quinta-feira, 21 de julho de 2011

O insensato Ministério da Justiça elogia a novela Insensato Coração

O Insensato Ministério da Justiça elogia a novela Insensato Coração - Mais uma "pisada na bola" que o governo dá, inda pior depois de a Globo transmitir o capítulo onde, diretamente, um personagem gay culpa os pastores pelo desgosto de seus pais novelísticos em ter um filho homossexual. Leia mais no artigo"Ainda tem crente iludido com a Globo", do Pr Altair Germano e "Coração Insensato de autores da Globo pisa em cristãos outra vez", de Elizeu Antonio Gomes.

O Ministério da Justiça decidiu manter a classificação indicativa de "Insensato Coração", da Globo, que não é recomendada a menores de 12 anos, porque a trama tem exibido conteúdo de relevância social, principalmente pela valorização e respeito aos direitos homossexuais.
A pasta elogiou a novela por expor a realidade de perseguição, discriminação e violência contra o segmento LGBT. O esforço para abordar de forma atenuada os temas violentos e eróticos também foi enaltecido. (Folha de S.Paulo)

Publicado na coluna Zaping-Agora São Paulo em 21/07/2011

Um comentário:

Daladier Lima disse...

Prezado Silvio,

Infelizmente, muitos se enganam com o espaço dado aos evangélicos na mídia secular. É tudo pelo dinheiro.

Abraços!

Related Posts with Thumbnails