segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Costumes da Igreja de outros tempos - 8

Dar oportunidade para a audiência solicitar os hinos da Harpa Cristã a serem cantados no início do culto.
Nem sempre havia maestros nos cultos e geralmente o dirigente perguntava à Congregação "qual o hino?" e os irmãos a reagir mais rápido ou os que falavam mais alto tinham seus pedidos atendidos. 
Uma dificuldade era quando muitos pediam ao mesmo tempo e então alguns dirigentes enfileiravam os hinos, outros ignoravam alguns dos pedidos. Quando o dirigente ou a congregação desconhecia o hino vencedor, poucas vozes acompanhavam os cânticos.
Este hábito de oportunizar pedidos de hinos se dava mais em cultos reservados como o de oração e de doutrina (chamado antes de culto de instrução). Não era comum em cultos dominicais e públicos, onde os dirigentes escolhiam os hinos de acordo com o caráter do culto (sempre evangelísticos) e onde sempre havia regentes e organistas à postos.

Um comentário:

Lucy Araújo disse...

Parabéns pelo texto!

Que neste Natal,
eu possa lembrar dos que vivem em guerra,
e fazer por eles uma oração de paz.

Que eu possa lembrar dos que odeiam,
e fazer por eles uma oração de amor.

Que eu possa perdoar a todos que me magoaram,
e fazer por eles uma oração de perdão.

Que eu lembre dos desesperados,
e faça por eles uma oração de esperança.

Que eu esqueça as tristezas do ano que termina,
e faça uma oração de alegria.

Que eu possa acreditar que o mundo ainda pode ser melhor,
e faça por ele uma oração de fé.

Obrigada Senhor
Por ter alimento,
quando tantos passam o ano com fome.

Por ter saúde,
quando tantos sofrem neste momento.

Por ter um lar,
quando tantos dormem nas ruas.

Por ser feliz,
quando tantos choram na solidão.

Por ter amor,
quantos tantos vivem no ódio.

Pela minha paz,
quando tantos vivem o horror da guerra.

FELIZ NATAL E UM ANO NOVO
NA PRESENÇA DO DEUS TODO PODEROSO
JESUS CRISTO, SENHOR E SALVADOR NOSSO!!!

Em Cristo,
***Lucy***

Related Posts with Thumbnails